Portal de Notícias do Município do Funchal.

CMF encerra dois estabelecimentos comerciais por tráfico de droga

Os estabelecimentos em questão estão situados nas freguesias de Santa Maria Maior e de Santo António.

Miguel Silva Gouveia, Presidente da Câmara Municipal do Funchal, anunciou, esta tarde, após a habitual Reunião de Câmara semanal, que foi aprovado por unanimidade, o encerramento compulsivo de dois estabelecimentos comerciais do concelho, onde foram efetuadas apreensões de estupefacientes por parte da Polícia de Segurança Pública.

Os estabelecimentos em questão estão situados nas freguesias de Santa Maria Maior e de Santo António. O Presidente referiu que “não podemos tolerar que estes estabelecimentos, que até têm proximidade com escolas, possam estar sistematicamente a ser promotores de comportamentos que são lesivos para toda a comunidade funchalense, e para a sociedade em geral, como é o caso do tráfico de drogas”.

Esta decisão surge depois dos órgãos de Polícia Criminal do Funchal identificarem e enviarem à Autarquia os autos de notificação das rusgas e da apreensão de drogas. O autarca funchalense acrescenta que “do ponto de vista legal, a lei prevê que depois os municípios possam encerrar os estabelecimentos, e é isso que estamos a fazer, não só por segurança, mas também por uma questão de saúde pública.”

Miguel Silva Gouveia disse, por fim, que “esta é a primeira vez que se decide um encerramento deste género no Funchal. A Câmara Municipal reconhece que é importante passar a mensagem que, enquanto sociedade, não podemos consentir estes comportamentos que não olham a idades, e que são responsáveis por causar problemas e distorções sociais em muitas famílias.”

- Campanhas CMF -

ARTIGOS RELACIONADOS

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a navegar em funchal.pt está a consentir a utilização de cookies. Aceito Ler mais...