Portal de Notícias do Município do Funchal.

CMF investe na valorização das espécies marinhas da Macaronésia

O projeto ‘Macarofood’ é um investimento camarário de 71 mil euros, comparticipado a 85% pelo FEDER, que teve início em 2017, sendo que está previsto terminar este ano.

A Câmara Municipal do Funchal vai realizar este ano, no âmbito do projeto ‘Macarofood’, uma campanha de mar, através da Estação de Biologia Marinha do Funchal, com vista à prospeção de lagosta, um tipo de crustáceo que existe na Madeira, tendo sido já capturado ao longo dos tempos na Região, e que pode ser encontrado no acervo do Museu de História Natural.

Esta é uma espécie que assume uma grande importância do ponto de vista comercial e também gastronómico. Nesse sentido, foi submetido um projeto para financiar uma pesquisa dirigida a este crustáceo em particular, recorrendo a um tipo de armadilha que foi desenvolvida e testada em Cabo Verde, onde foi possível fazer prova da sua eficácia.

Estas armadilhas para a captura da lagosta serão, pela primeira vez, testadas na Madeira, em 2021. Este é um projeto inédito que vai ao encontro de dois dos pilares e desígnios do atual Executivo Municipal: a Sustentabilidade Ambiental e a Inovação. Com efeito, a Câmara Municipal do Funchal é a única Autarquia do país com um departamento dedicado à Ciência.

O projeto ‘Macarofood’ é um investimento camarário de 71 mil euros, comparticipado a 85% pelo FEDER-Interreg, através do programa MAC 2014-2020, que teve início em 2017, sendo que está previsto terminar este ano.

Esta iniciativa visa a valorização dos produtos marinhos da Macaronésia, no que diz respeito ao turismo, gastronomia e capacitação profissional. Tem como objetivo a criação de uma parceria entre instituições e empresas para desenvolver sinergias entre as ciências marinhas e sociais, bem como a gastronomia, de modo a impulsionar um turismo de excelência e valorizar os produtos marinhos locais, como estratégia de crescimento inteligente no espaço de cooperação.

O ‘Macarofood’ tem como coordenador geral a Universidade de las Palmas de Gran Canaria, e, além da Câmara Municipal do Funchal / Estação de Biologia Marinha do Funchal, conta ainda como parceiros com a Universidade de La Laguna, Tenerife, a Secretaria Regional de Mar e Pescas / Direção Regional do Mar, o IMar – Instituto do Mar de Cabo Verde (ex-Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas), a Universidade Técnica do Atlântico, Cabo Verde, a Escola de Hotelaria e Turismo de Cabo Verde e o Instituto de Apoio e Promoção Empresarial de Cabo Verde.

- Campanhas CMF -

ARTIGOS RELACIONADOS

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a navegar em funchal.pt está a consentir a utilização de cookies. Aceito Ler mais...