segunda-feira, 14 fevereiro 2022 09:25

Município do Funchal e Fundação Cecília Zino estabelecem protocolo de cooperação

‘Passaporte Cecília Zino’ facilita visita aos museus e espaços culturais.

A Câmara Municipal do Funchal e a Fundação Cecília Zino celebraram sexta um protocolo que estabelece os princípios e compromissos de colaboração mútua entre as partes, com vista à promoção da iniciativa ‘Passaporte Cecília Zino’, que pretende incutir hábitos de consumo, relativos à arte e cultura de qualidade, por parte das crianças e jovens, entre os 10 e os 18 anos, residentes na Madeira.

Com este acordo, ambas as entidades pretendem estimular os jovens a visitar centros de exposições, museus ou espaços culturais da R.A.M., e particularmente, da Cidade do Funchal, sobretudo aqueles que possuam programação de exibições ou exposições temporárias.

A Fundação assegura toda a informação inerente à iniciativa ‘Passaporte Cecília Zino’ distribui o Regulamento Geral do ‘Passaporte Cecília Zino’ a todas as entidades culturais, que tenham interesse em integrar a iniciativa e garante a distribuição dos carimbos a colocar no ‘Passaporte Cecília Zino’, em todos os locais ou espaços culturais que tenham integrado a iniciativa.
Às crianças e jovens interessados em participar na iniciativa, é feita a entrega dos ‘Passaportes Cecília Zino’, no Centro para o Desenvolvimento Humano, da Fundação Cecília Zino (Rua do Bettencourt, n.º 10, 1º Andar, 9000-080 Funchal).

Já o Município do Funchal, enquanto entidade responsável pelo Museu de História Natural do Funchal, Teatro Municipal Baltazar Dias, Museu a Cidade do Açúcar, Museu Henrique e Francisco Franco e a Capela da Boa Viagem, compromete-se entre outros objetivos a partilhar com todas as entidades envolvidas no ‘Passaporte Cecília Zino’ as exibições, exposições ou atividades que estão a decorrer ou terão início, em cada espaço cultural. assim como colocar o carimbo personalizado no ‘Passaporte Cecília Zino’ a data da visita aos museus ou espaços culturais.

O Protocolo vigora até dia 30 de junho do ano 2022, podendo ser prorrogado, caso haja interesse por parte das entidades envolvidas na iniciativa.