Portal de Notícias do Município do Funchal.

Parque Ecológico do Funchal dinamizou uma atividade sobre morcegos

Infraestrutura municipal recebeu, este sábado, o investigador Ricardo Rocha, no âmbito de uma iniciativa que teve como intuito apresentar os animais noturnos que existem na Região.

O Parque Ecológico do Funchal recebeu, este sábado, Ricardo Rocha, investigador do CIBIO-InBIO (Universidade do Porto) e bolseiro de pós-doutoramento da ARDITI, no âmbito de uma atividade que teve como intuito apresentar os animais noturnos que existem na Região.

Esta iniciativa decorreu no contexto do programa Ciência Viva no verão, e consistiu numa palestra sobre a história natural dos morcegos. Recorrendo a detetores de ultra-sons foi possível ouvir a ecolocalização destes mamíferos, bem como observar no local como estes se movem no céu noturno ou ainda de que forma se alimentam.

Morcego arborícola da Madeira (Nyctalus leisleri verrucosus) – foto de Ricardo Rocha

Na Madeira existem morcegos de três espécies: o Morcego-da-Madeira (Pipistrellus maderensis), o Morcego-orelhudo-castanho (Plecotus austriacus) e o Morcego-arborícola-pequeno (Nyctalus leisleri verrucosus). Partilham os céus noturnos da região com a coruja-das-torres (Tyto alba schmitzi), uma ave de rapina exclusiva do nosso território.

Morcego da Madeira (Pipistrellus maderensis) –  foto de Ricardo Rocha

Nesta atividade foi, então, possível conhecer informações e curiosidades interessantes sobre este grupo de animais fascinantes. Com efeito, esta foi apenas uma das muitas ações no âmbito de educação ambiental levadas a cabo pelo Parque Ecológico do Funchal, infraestrutura municipal, que tem desenvolvido um papel fundamental na aproximação da população à natureza, sobretudo através de atividades pedagógicas e lúdicas. 

Foram 20 os inscritos neste evento, que após esta iniciativa ficaram a conhecer mais sobre esta matéria. Muitas destas ações levadas a cabo pelo Parque Ecológico do Funchal são destinadas aos mais novos, de forma a inculcar desde cedo nas novas gerações a importância da sustentabilidade ambiental.

De salientar que, a Câmara Municipal do Funchal é a única Autarquia do país com uma Divisão de Ciência. Assim sendo, têm sido vários os compromissos e os projetos dedicados a esta área de conhecimento, tendo em vista não só a divulgação de conhecimento acessível aos munícipes mas ainda a criação de uma consciência comum de valorização e preservação da natureza.

- Campanhas CMF -

ARTIGOS RELACIONADOS

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a navegar em funchal.pt está a consentir a utilização de cookies. Aceito Ler mais...